Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2005

Continuando...

VOTAR

• No próximo dia 22 vamos escolher um novo Presidente da República. Tentemos então uma breve análise aos cinco candidatos principais.
Dois deles são simpáticos, têm algumas ideias interessantes, mas no fundo a pouco mais ambicionam do que a conseguir o melhor resultado possível para os partidos a que pertencem. São eles Jerónimo de Sousa e Francisco Louçã.
Um já foi primeiro ministro. É candidato dos partidos da direita, PSD e P.P. Gasta na campanha( dados oficiais) o máximo que a lei permite( quem paga?).Diz preocupar-se com os despedimentos, mas foi ele que inaugurou a época dos chamados contratos a prazo que deu precisamente início ao aumento do desemprego .No seu tempo de primeiro ministro, Portugal recebia da Comunidade Europeia um milhão de contos por dia que desapareceu na voragem do betão e não só…
Nesta campanha e na primeira vez que exprimiu uma opinião interferiu nas competências do Governo,
Chama-se Cavaco Silva.
Outro já foi Presidente .Não apresenta uma única ideia nova. É apoiado pela direcção do P.S. Aparece como um grande adversário da direita, mas nos tempos em que governou criou anti-corpos na esquerda, que o acusou de “meter o socialismo na gaveta”.
Chama-se Mário Soares.
Finalmente há um que teve a coragem de se apresentar como independente , embora reafirmando a sua qualidade de socialista. Não tem atrás de si campanhas pagas a peso de ouro, nem grandes” lobbys.”.É um intelectual de prestígio e um político experiente.
Concorre com um lema correspondente ao que tem sido a sua vida. .”Livre, justo ,fraterno”.
Chama-se Manuel Alegre
Eu já escolhi.


publicado por nuno1 às 20:09
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Anónimo a 1 de Janeiro de 2006 às 06:45
Ao entrar hoje, acho que pela 1º vez, no "Realpolitik", a Alegria de saber que não estou só e subscrevo, aquilo que o responsável do Blog escreve, porque escrevia exactamente o mesmo, faz com que aqui deixe o meu Comentário: UM PONTO DE VISTA QUE É UM DESEJO!
Votos para que em 2006 vivamos num Portugal de Todos, mais Livre, mais Justo, mais Fraterno e Alegre.
HÁ UM AUTOCOLANTE QUE É "USADO POR ALGUNS APOIANTES E SIMPATIZANTES DA CANDIDATURA DE MANUEL ALEGRE". SIMBOLIZA O APOIO DOS QUE ACREDITAM NA HONESTIDADE DE UM HOMEM QUE NÃO SE CANDIDATA POR INTERESSES OBSCUROS E, COMO SEMPRE, É CLARO NAQUILO QUE DEFENDE E EM QUE ACREDITA, QUE DIZ O QUE PENSA E NÃO O QUE QUEREM QUE DIGA.
O meu desejo era que todos aqueles que me dizem e garantem que vão votar Manuel Alegre, militantes e simpatizantes de todas as áreas políticas, mas me pedem "segredo" - que guardo - porque têm o emprego em causa, pudessem usar este autocolante antes da Vitória de Manuel Alegre.
Colocarão depois! E festejaremos todos a Vitória da Liberdade contra o Obscurantismo e a Hipocrisia, que está a tentar dominar este acto eleitoral.
Termino com um apelo àqueles que estão connosco: Contactem-me para o meu e-mail (fico mesmo à espera « a_j_p_m@sapo.pt ») para unirmos forças e levar um HOMEM (com H) a Presidente da República, que por acaso se chama Manuel Alegre. E mais importante do que quem ele é! É o que ele de facto é!
AJPM
</a>
(mailto:a_j_p_m@sapo.pt)


Comentar post